Fruta desidratada engorda? É saudável?

Especialista da área:
atualizado em 18/09/2021

A fruta desidratada, nada mais é do que a fruta fresca após um processo de eliminação da sua água natural, processo que pode ser realizado tanto de forma natural ou por meio de um equipamento próprio para a sua secagem.

  Continua Depois da Publicidade  

Também é possível modificar a cor, a textura e até mesmo o sabor de algumas frutas, por meio do processamento das frutas frescas, como é o caso, por exemplo das uvas passas e das ameixas. O processo de desidratação dificulta a sua deterioração, o que prolonga o seu prazo de validade, possibilitando o acesso a várias frutas mesmo fora de época.

Elas contém uma quantidade mais concentrada de fibras, nutrientes e compostos bioativos em comparação às frutas frescas, porque elas ficam mais leves quando a água é retirada da fruta.

Conhecidas também como frutas secas, elas retêm grande parte de suas vitaminas e antioxidantes essenciais, mas quando uma fruta é desidratada, o teor das vitaminas A e C é bastante reduzido e isso ocorre porque elas passam por temperaturas mais altas durante o seu processamento

Mas será que as frutas desidratadas são tão saudáveis quanto as frutas in natura? Será que o seu consumo pode provocar o aumento de peso? Confira abaixo as respostas para essas perguntas.

A fruta desidratada é saudável

frutas secas

As frutas secas se destacam quando o assunto é praticidade, já que não precisam ser higienizadas ou descascadas, estão disponíveis o ano todo e possuem um prazo maior de validade. São saudáveis, ricas em fibras, vitaminas e minerais e trazem muitos benefícios para a saúde, como os destacados abaixo:

  1. Aumenta a ingestão de nutrientes: As frutas desidratadas possuem diversos nutrientes, o que significa que elas terão um efeito muito mais poderoso em termos de minerais essenciais como potássio, magnésio, ácido fólico, cálcio e ferro, bem como antioxidantes.
  2. Aumenta a saúde do cólon: Frutas desidratadas também podem ajudar na saúde do cólon, devido aos seus compostos de fibras prebióticas (fibras que são digeridas pelo corpo humano) que alimentam as bactérias saudáveis responsáveis por manter a saúde digestiva.
  3. Reduz o risco de doenças: Segundo um estudo publicado no Journal of Food Science, comer uvas passas pode reduzir o colesterol e o açúcar no sangue, reduzindo o risco de desenvolver diabetes e doenças cardiovasculares.
  4. Ajuda a reduzir a pressão sanguínea: Pesquisadores da Universidade de Kentucky, Estados Unidos, descobriram que comer uvas passas no lugar de alimentos processados reduz a pressão arterial sistólica, o que contribui para a redução do risco de problemas cardiovasculares e glicemia.

Além desses benefícios, as frutas desidratadas também são uma boa aliada para quem deseja emagrecer ou manter o peso.

  Continua Depois da Publicidade  

Fruta desidratada engorda?

Para as pessoas que querem manter o peso ou emagrecer, é importante prestar atenção na quantidade de açúcar e carboidratos destas frutas. As frutas secas são mais calóricas, já que a desidratação faz com que todos os nutrientes, incluindo o açúcar, fiquem mais concentrados. Por isso, é importante tomar cuidado com a quantidade ingerida diariamente.

Para se ter uma ideia, vale mencionar que ½ xícara de damasco fresco tem 74 calorias, enquanto que ½ xícara da fruta seca tem 313. Em algumas frutas como mirtilos, a desidratação pode dobrar ou triplicar a quantidade de açúcar, por isso, tome cuidado com os valores calóricos e quantidades.

Mas isso não impede que as frutas secas sejam adicionadas à sua dieta É importante saber que se consumidas com moderação, as frutas desidratadas não engordam, são saudáveis e inclusive, melhoram a qualidade da alimentação. Isso ocorre porque as pessoas que consomem esse alimento, ingerem mais nutrientes e menos gorduras, álcool e açúcares adicionais.

Isso foi o que descobriu um estudo publicado pela University Health News, que avaliou 13.000 participantes, e concluiu que as pessoas que ingeriam frutas desidratadas pesavam menos do que as que não ingeriam este alimento, ou seja, o consumo de frutas secas ainda incentiva a perda de peso.

De acordo com pesquisadores ingleses, as ameixas secas, por exemplo, são mais eficazes para aliviar a constipação do que muitos remédios. Um estudo publicado no Journal of Human Nutrition and Dietetics em 2011 acompanhou cerca de 100 indivíduos com excesso de peso. Um grupo manteve a sua dieta regular e o outro manteve a sua dieta regular mais duas barras contendo 340 calorias de frutas secas e cereais por dia.

Frutas secas

Pode-se supor que 340 calorias extras por dia deve causar ganho de peso, certo? Não. Os pesquisadores fizeram a seguinte citação como conclusão: “Lanches ricos em fibras podem ser um meio de manter o peso”, e as frutas secas tem esse nutriente em abundância.

  Continua Depois da Publicidade  

Um estudo realizado sobre maçãs secas concluiu que elas não causam ganho de peso e são ótimas para baixar o colesterol. Esse estudo foi realizado com cerca de 200 mulheres na menopausa que comeram anéis de maçãs desidratadas ou ameixas desidratadas, e tiveram seus níveis de colesterol monitorados.

Demorou apenas 3 meses para as maçãs secas reduzirem o colesterol e mantê-lo em níveis baixos. No geral, as ameixas e maçãs reduziram a inflamação rapidamente, porém, as maçãs foram mais eficientes do que as ameixas.

Outro estudo realizado com figos secos, em que as pessoas consumiram 300 calorias dessa fruta por dia durante 5 semanas, concluiu que não houve aumento de peso em nenhum participante. Nota-se que foram ingeridas mais de 10.000 calorias durante este período. No entanto, onde elas foram parar? O que acontece é que o alto teor de fibras desta fruta fez com que as pessoas se sentissem mais saciadas e consequentemente diminuíssem seu consumo calórico diário.

No geral, as frutas desidratadas podem ser um lanche nutritivo, prático, especialmente quando misturadas com nozes e castanhas, e são muito fáceis de levar para todos os lugares. Mas se os açúcares, carboidratos ou calorias são motivo de preocupação, é importante ficar de olho na quantidade consumida, uma vez que devido ao seu tamanho reduzido é fácil se perder e exagerar no consumo, aumentando a ingestão de calorias, o que pode levar ao ganho de peso.  

Além disso, evite aquelas que contenham açúcares adicionados ou que sejam cobertas em açúcares, chocolates, etc. Esse tipo de fruta desidratada engorda mesmo, e vale dar preferência a marcas orgânicas e que não contenham dióxido de enxofre, que é usado como conservante.

Enfim, a fruta desidratada engorda apenas quando é consumida em excesso ou quando contém açúcares adicionados, gorduras e calorias adicionais. No mais, é um alimento saudável e uma ótima opção de lanche para sua dieta.

  Continua Depois da Publicidade  

Fontes e referências adicionais

Você já imaginava que fruta desidratada engorda quando consumida em excesso? Tem costume de consumir esse tipo de lanchinho? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário