Pressão 14×9 é Perigoso?

Especialista:
atualizado em 22/04/2021

Quando o nosso coração bate, ele bombeia sangue para o corpo, para que o organismo tenha a energia e o oxigênio que necessita. Conforme o sangue se movimenta, ele vai empurrando contra as laterais dos vasos sanguíneos. A força desse ato de empurrar é conhecida como a pressão arterial.

Quando essa força sofre uma constante elevação, têm-se um caso de hipertensão, ou pressão arterial alta, de acordo com o que informa a Associação Americana do Coração.

Conforme a instituição, a única forma de saber se uma pessoa sofre ou não com a hipertensão é medindo a sua pressão, o que é feito com o auxílio do aparelho de medir pressão, conhecido pelo nome de esfigmomanômetro, e do estetoscópio.

A pressão sistólica e a pressão diastólica 

Antes de entendermos se ter uma pressão 14×9 é perigoso, é importante que a gente entenda as medidas que a representam, não é mesmo?

Você provavelmente já deve ter notado que são utilizados dois números para representar o valor da pressão, que o primeiro número é maior do que o segundo e que eles são separados pelo “x” ou por uma barra, que representa a palavra “por”.

De acordo com a Associação Americana do Coração, o número superior representa a pressão arterial sistólica e o número inferior corresponde à pressão arterial diastólica.

A pressão criada pela força exercida quando o coração aperta e empurra o sangue através das artérias para o resto do corpo é conhecida como a pressão arterial sistólica. Por sua vez, a pressão arterial diastólica é definida como a pressão existente nas artérias quando o coração descansa entre os batimentos, sendo o momento no qual o coração enche de sangue e pega oxigênio.

Em outras palavras, a Sociedade Brasileira de Hipertensão define a sístole como a força máxima do coração em uma contração para expulsar o sangue, e a diástole como a força mínima, um período de relaxamento entre as contrações cardíacas.

Conforme a instituição, a pressão arterial é representada pela medida mmHg, que significa milímetros de mercúrio.

E então, pressão 14×9 é perigoso?

De acordo com a Sociedade Brasileira de Hipertensão, um valor de pressão arterial mais baixo do que 120/80 mmHg – o famoso “12 por 8” – é considerado ótimo. Esse é o mesmo valor considerado ideal pela Associação Americana do Coração.

Segundo a Sociedade Brasileira de Hipertensão, um valor menor que 130/80 mmHg é considerado o índice de pressão arterial ideal para indivíduos com risco de desenvolvimento de diabetes e doença renal.

Enquanto a Sociedade Brasileira de Hipertensão avalia como normal uma pressão arterial mais baixa do que 130/85 mmHg, a Associação Americana do Coração considera o valor de 120 a 129/menos de 80 mmHg como um nível elevado de pressão arterial.

  Continua Depois da Publicidade  

Já quando a pressão arterial está em 130 a 139/80 a 89 mmHg, a Associação Americana do Coração alerta que se tem um caso de estágio 1 de hipertensão. E quando a pressão é de 140 ou mais/90 ou mais, trata-se de um caso de estágio 2 da pressão arterial alta, de acordo com a instituição.

No mesmo sentido, a Sociedade Brasileira de Hipertensão afirma que para a maioria da população a pressão arterial deve estar abaixo de 140/90 mmHg e considera altos os valores iguais ou superiores a essa medida. Se estivermos falando de pessoas já diagnosticadas com diabetes, o valor deve ser menor que 130/85 mmHg, destaca a instituição.

Nos casos de pessoas já avaliadas como doentes renais crônicas, a pressão arterial deve ser mais baixa do que 120/75 mmHg, segundo a organização.

Ou seja, podemos afirmar sim que ter a pressão 14×9 é perigoso. Pior ainda se passar desses limites: quando o valor da pressão arterial for maior que 180/maior que 120, o que tem-se é uma crise hipertensiva e deve recorrer-se imediatamente ao médico, alerta a Associação Americana do Coração.

Se você tiver o aparelho de medir a pressão em casa ou em uma farmácia, por exemplo, e notar que valor está fora do que é considerado normal, deve procurar logo a ajuda do médico para que ele lhe examine, confirme se você realmente tem hipertensão e prescreva o tratamento adequado para você.

Já se a medição da pressão for feita em uma consulta médica ou no pronto-socorro, a equipe médica do local saberá como proceder para diagnosticar e avaliar se trata-se de uma caso de hipertensão.

Os perigos de uma doença silenciosa 

A hipertensão ou pressão arterial alta pode ser conhecida uma doença silenciosa, graças ao fato de se tratar de uma doença que não provoca sintomas, de acordo com o que alerta a Sociedade Brasileira de Hipertensão.

De acordo com a instituição, somente quando o quadro de hipertensão já encontra-se grave ou prolongado e não foi tratado é que o paciente apresenta sintomas como dor de cabeça, vômito, dispneia (falta de ar), agitação e visão borrada decorrentes de lesões que atingem o cérebro, os olhos, o coração e os rins.

Quando a hipertensão não é tratada, ela pode gerar uma série de complicações como derrames cerebrais, doenças no coração como infarto, insuficiência cardíaca e angina (dor no peito), insuficiência renal ou paralisação dos rins e alterações na visão que podem levar à cegueira, enfatiza a Sociedade Brasileira de Hipertensão.

Portanto, vale a pena manter as consultas médicas de check-up regularmente. Assim, caso a hipertensão tenha sido desenvolvida, ela poderá ser descoberta a tempo, antes que outros problemas também sejam desenvolvidos.

Vídeos:

Gostou das dicas?

Fontes e Referências Adicionais:

  Continua Depois da Publicidade  

Você já imaginava que ter uma pressão 14×9 é perigoso? Qual foi a sua pressão na última vez que foi medida? Comente abaixo!

(36 votes, average: 3,78 out of 5)
Loading...
Sobre Julio Bittar e Dra. Patricia Leite

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário

34 comentários em “Pressão 14×9 é Perigoso?”

Publicidade