Laqueadura Engorda?

Especialista:
atualizado em 23/11/2020

A esterilização por Laqueadura é uma prática relativamente nova. As primeiras experiências do homem com esse procedimento vêm do século XIX, contudo, foi no século XX que essa técnica ganhou reconhecimento. Após os anos 60, com o uso de tecnologias mais avançadas, a Laqueadura veio a ser um dos principais e mais procurados método de esterilização definitiva e, de acordo com a OMS, o Brasil é o principal usuário dessa técnica.

Sua eficácia é quase que 100% garantida e as complicações durante e/ou após a cirurgia são mínimas. Apesar de ser um procedimento simples, muitas mulheres preocupam-se com os possíveis efeitos colaterais dessa cirurgia, e não abandonam a seguinte pergunta: Laqueadura engorda? Quais são os riscos disso acontecer?

Essas e outras dúvidas serão esclarecidas a seguir. Entenderemos como é a cirurgia da Laqueadura, seus tipos, as contraindicações e outros pontos importantes.

Entendendo o sistema reprodutor

Antes de mais nada, é importante situar quais são os órgãos do sistema reprodutor feminino e suas funções, para depois entender como a Laqueadura irá afetá-los.

O aparelho reprodutor feminino é constituído por dois ovários, responsáveis por liberar, todos os meses, os óvulos a serem (ou não) fecundados pelo espermatozoide. Produzem, ainda, hormônios sexuais femininos, como estrógenos e progesterona. As Trombas de Falópio (ou trombas uterinas) conduzem o óvulo em direção ao útero, sendo que a fecundação pode ocorrer durante esse transporte. O Útero fixa o óvulo fecundado e é onde este se desenvolve. Por último, há a Vagina, onde os espermatozoides são introduzidos.

Definição

A Laqueadura é uma cirurgia que requer internação e anestesia geral ou regional. Ela consiste em cortar, obstruir ou amarrar as tubas uterinas da mulher, impossibilitando o encontro entre óvulo e espermatozoide, e, consequentemente, evitando a fecundação.

A cirurgia dura, em média, quarenta minutos. Após o procedimento, é recomendado dez dias de repouso. É importante que a mulher evite ter relações sexuais por até uma semana. Após esse período, deve-se usar camisinha por aproximadamente 1 mês.

A Laqueadura não impede a contração de doenças sexualmente transmissíveis, por isso é importante utilizar outros anticoncepcionais, mesmo já tendo passado pela cirurgia.

Os tipos de Laqueadura

São três os tipos de procedimento para a realização da Laqueadura.

Por via Laparoscópica, o médico realiza uma pequena incisão perto do umbigo, na parte inferior do abdômen. Através desse corte, introduz-se um pequeno dispositivo (Laparoscópio) que facilitará a visualização das trompas e, assim, o médico poderá fechá-las com anéis e clips ou cauterizá-las.

Outro método é a Minilaparatomia, feito logo após o parto ou poucos dias depois. De ambos os lados do aparelho reprodutor, parte da trompa é removida.

Há, ainda, a Laqueadura Histeroscópica, que pode ser feita fora do ambiente hospitalar e apenas com anestesia local. É feita através da vagina e não necessita de cirurgia. Um dos tipos dessa Laqueadura é introduzir uma pequena mola, chamada Essure, nas trompas. Essa mola irá inflamar e sofrer efeitos do sistema imunológico, por ser um corpo estranho. Com a cicatrização, as trompas estarão fechadas. Com semelhante efeito da Laqueadura por molas, há a técnica Adiana que, a partir do endoscópio introduzido na vagina, emite radiofrequências no interior das trompas, inflamando-as.

  Continua Depois da Publicidade  

Uma das principais perguntas das mulheres que procuram esse método de esterilização é se a laqueadura engorda. Será que esse método fácil e definitivo pode gerar o ganho de peso?

Laqueadura engorda?

A Laqueadura é uma cirurgia que não afeta diretamente nenhum órgão endócrino, nada tendo a ver com o metabolismo ou qualquer outro fator que gere o aumento de peso. Essa cirurgia é um dos métodos com menor taxa de efeitos colaterais e não é correto dizer que laqueadura engorda.

O ciclo menstrual da mulher continua o mesmo e os hormônios produzidos pelo ovário também. O ganho de peso após a Laqueadura só pode ser justificado se houver alteração na produção hormonal dos ovários, o que não é comum de acontecer.

Indicações

Todas as mulheres que optam nunca mais ter filhos, podem encontrar na Laqueadura um meio eficaz e permanente para isso. Deve-se ter confiança total na decisão, visto que as chances de engravidar tornam-se menores que 1%. O medo de engordar pode ser descartado.

Contraindicações e restrições legislativas

A primeira contraindicação é para as mulheres que não possuem total certeza de que não querem mais ter filhos. Pensando nos possíveis arrependimentos, a Lei Federal 9263, de 1996, estabelece penalidades e decreta que apenas mulheres acima de 25 ou que possuem dois ou mais filhos podem fazer Laqueadura. As mulheres que possuem doenças propícias a riscos de saúde para si própria ou para um futuro bebê (como diabetes de alto risco, pressão alta, eclampsia etc) também estão no direito de recorrer à cirurgia.

Para as que se enquadram nesses pré-requisitos, devem assinar um documento que apresenta os riscos e implicações da cirurgia, sendo autorizado o processo só após 60 dias da assinatura.

Existem efeitos colaterais?

Algumas complicações podem existir após a cirurgia, como infecções, lesões da bexiga ou dos intestinos, hemorragia interna ou problemas ligados à anestesia. Porém, a chance de alguma delas ocorrer é muito pequena, quase nula.

Quanto aos efeitos colaterais, estudos sobre isso ainda estão em desenvolvimento. Mesmo assim, algumas das mulheres que passaram pela cirurgia de Laqueadura sofreram irregularidade na menstruação, dores, alterações emocionais/sexuais e aumento de risco de futuras histerectomias, principalmente após cinco anos da cirurgia e em mulheres mais jovens.

O ganho de peso não é um fator relatado na lista dos prováveis efeitos colaterais dessa cirurgia. Portanto, as mulheres podem ficar tranquilas, pois é falso dizer que Laqueadura engorda.

Reversão: é possível?

A reversão é possível, mas não em todos os casos e a chance de dar certo beira os 20%. A principal condição para que a reversão seja possível é que os finais das trompas estejam presentes e sadios. É importante que a mulher esteja em uma idade propícia para engravidar, sendo que as mais jovens têm maiores chances de sucesso na cirurgia de reversão.

Para as mulheres que não tiverem sucesso nessa nova tentativa de engravidar, há ainda outras formas alternativas, como a fertilização in vitro.

Fontes e Referências Adicionais:

  Continua Depois da Publicidade  

Por que você acreditava que a laqueadura engorda? Você já fez o procedimento? Acabou ganhando ou perdendo peso? Comente sua experiência abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (163 votos, média: 3,79 de 5)
Loading...
Sobre Julio Bittar e Dra. Patricia Leite

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário

73 comentários em “Laqueadura Engorda?”

  1. Fiquei confusa agora. Umas diz que engordou muito. Outas diz que emagreceu. Misericórdia. Tou pra fazer a cirurgia mais com medo de engordar nao consigo ir em frente.

  2. Eu fiz tem 2 anos e realmente muda o metabolismo eu fiz quando meu segundo filho fez 1 ano e meio e em poucos meses engordei 7 kilos, consegui voltar meu peso fechando a boca e malhando muito todos os dias

    • olá meninas me chamo Rafaela 29 anos , estou com a cirurgia marcada para o dia 21/11/2019 estou morrendo de medo … não sei se estou fazendo a melhor escolha

      • Olá fiz laqueadura estava na idade de 22 anos minha filha tinha doi tinha tinha dois messes de nascida, o tempo passou e o arrependimento que nunca acaba, como se diz se arrependimento matasse eu estaría morta,nossa como eu fui fazer isso.Hoje se eu podesse voltar atrás . Sou casada tenho vantade de engravidar mas naõ posso.Bem que gostaria que algum médico mim desse a re ersaõ da laqueadura pra poder engravidar novamente. Mulheres pensem bem antes de fazer a maior besteira de sua vida. Com dor no meu coraçaõ e forte arrependimento. Vivo hoje por uma escolha errada.?????

    • Nao sei se é impressão minha mais a maioria das mulheres q relatam ter engordando após laqueadura deve 3 filhos ou mais. Sera q o ganho de peso nao esta relacionado ao numero de gravidez do que a laqueadura?
      Obs. Nao tenho filhos por opção estou pensando em laqueadura para para de tomar injeção por causa dos efeitos colaterais.

  3. Vendo todos os comentários a cima todos falaram a mesma coisa que apos a cirurgia engordou.. de fato eu tbm engordei. tive 2 filhas partos normal e voltei ao meu corpo sem esforço algum agora da minha 3° filha que fiz laqueadura luto com a balança e nao emagreço . e tem médicos que diz que isso nao existe.

  4. Gente eu fiz faz 5 meses e não engorda as pessoaS engordam por comer de mais e querem por a culpa em alguém kkkkkk fiz por vídeo foi super tranquila a recuperação me sinto as vezes com a barriga um pouco inchada mais diz q ate um ano isso melhora a unica q notri de diferente é que estou com espinhas e nunca tive esse problema mais esse negócio de engorda é conversa viu

  5. Eu me chamo iris!! Fiz laqueadura ,ha dois meses e era gorda mais estou muito magra tenho medo de não voltar meu corpo normal!!

  6. Eu vendo os comentários sobre engordar,eu fiz laqueadura tubária fez 15 dias .
    E sinto uma vontade louca de fazer sexo tá.
    Isso é normal?

Publicidade