Hipotireoidismo – Causas, sintomas e tratamento

Especialista da área:
atualizado em 09/01/2021

O hipotireoidismo é a disfunção na tireoide que atinge principalmente mulheres, e é caracterizada pela queda na produção de hormônios triiodotironina e tiroxina, mais conhecidos como T3 e T4.

  Continua Depois da Publicidade  

Esses hormônios são os responsáveis por regular todo o nosso metabolismo, e a sua falta ou excesso podem causar diversos problemas.

Então, vamos agora conhecer as causas do hipotireoidismo, os sintomas e ver como é feito o tratamento.

O que é hipotireoidismo?

glândula tireoide é a causa do hipotireoidismo
Ilustração da glândula tireoide

O hipotireoidismo é a deficiência de produção de hormônios da tireoide. Essa deficiência pode ser causada por diversas outras doenças que possam afetar direta ou indiretamente a glândula tireoide.

Hipotireoidismo engorda?

De certa forma, podemos dizer que o hipotireoidismo leva ao ganho de peso. Isso acontece porque os hormônios da tireoide controlam o nosso metabolismo.

Assim, quando há uma redução das quantidades desses hormônios, o metabolismo se torna mais lento, facilitando o ganho de peso.

Mas é sempre importante lembrar que a principal causa do ganho de peso é a alimentação inadequada, e que essa condição sozinha não leva a obesidade.

  Continua Depois da Publicidade  

Além disso, após o início do tratamento, o metabolismo volta ao normal, uma vez que os hormônios da tireoide foram substituídos pela levotiroxina, um hormônio sintético comprado em farmácia.

Causas

Existem várias causas possíveis para o hipotireoidismo, que podem variar de acordo com o tipo de problema.

Os principais tipos são:

  • Tireoidite de Hashimoto: Uma doença autoimune que é a causa mais comum de hipotireoidismo, de acordo com a Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia;
  • Hipotireoidismo pós tratamento cirúrgico, radiação ou uso de medicamentos: Normalmente ocorrem após o tratamento de hipertireoidismo, feito com cirurgia ou iodo radioativo. Mas também pode ocorrer devido ao uso de outros medicamentos, como amiodarona ou lítio;
  • Hipotireoidismo congênito: Esse tipo pode ter consequências bastante graves, pois é uma das causas mais frequentes de retardo mental. Ele é diagnosticado através do teste do pezinho, ou em exames de rotina com o pediatra;
  • Deficiência de iodo: Esse é o tipo mais fácil de ser prevenido, e sua principal manifestação é o aumento do tamanho da tireoide, conhecido como o bócio. Ele ocorre porque a tireoide precisa de iodo para produzir o T3 e T4.

E ainda existem outros tipos de o hipotireoidismo, como o subclínico, que comumente é diagnosticado em exames de rotina.

Sintomas do hipotireoidismo

Os sintomas de hipotireoidismo podem variar, dependendo da gravidade do quadro. Mas os mais comuns são:

  • Ganho de peso;
  • Prisão de ventre;
  • Queda de cabelos;
  • Enfraquecimento das unhas;
  • Intolerância ao frio;
  • Perda de libido;
  • Sonolência em excesso;
  • Depressão;
  • Inchaços das pernas;
  • Cãibras;
  • Pele ressecada;
  • Fadiga.

Sem tratamento, ele se torna mais grave, e pode causar inchaços em torno dos olhos e insuficiência cardíaca. Por isso é importante procurar um médico caso identifique algum sintoma do problema.

  Continua Depois da Publicidade  

Procure acompanhamento médico

Se você se identificou com algum dos sintomas de hipotireoidismo, procure uma avaliação médica, pois o diagnóstico precoce é a melhor forma de evitar o aparecimento de sintomas mais graves.

O endocrinologista é o especialista que irá te auxiliar, de forma segura, a encontrar o tratamento adequado, e dessa maneira minimizar os seus sintomas.

Como é feito o diagnóstico de hipotireoidismo?

Após a suspeita de hipotireoidismo, o médico pode solicitar alguns exames de sangue, que irão medir os níveis sanguíneos dos hormônios envolvidos no funcionamento da tireoide. São eles:

  • T3 e T4: Hormônios produzidos pela glândula, que controlam o nosso metabolismo;
  • TSH: É o hormônio que estimula a tireoide e, de acordo com a Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, é o principal exame para o diagnóstico tanto do hipotireoidismo, quanto do hipertireoidismo;
  • Já em recém nascidos, o diagnóstico é feito através do teste do pezinho.

Após o diagnóstico, outros exames podem ser solicitados, para descobrir as causas e a melhor forma de tratamento.

Tratamentos para o hipotireoidismo

O tratamento se baseia principalmente na reposição dos hormônios tireoidianos, que estão sendo produzidos em quantidades abaixo do necessário para a manutenção do metabolismo.

Mas o uso de outros medicamentos pode ser necessário, quando existem outros problemas associados ao hipotireoidismo, ou mesmo para tratar a sua causa.

  Continua Depois da Publicidade  

A medicina tem avançado muito nos tratamentos para esse problema. Saiba se o hipotireoidismo tem cura e algumas outras dicas de tratamento.

Veja no vídeo abaixo 7 sintomas do hipotireoidismo.

Gostou das dicas?

Fontes e referências adicionais

Você identificou algum sintoma do hipotireoidismo? Acha que pode estar sofrendo desta condição? Está passando por dificuldades para emagrecer? Comente abaixo.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (8 votos, média 4,25)
Loading...
Marcela Gottschald
Sobre Marcela Gottschald

Marcela Gottschald é Farmacêutica Clinica - CRF-BA 8022. Graduada em farmácia pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) em 2013. Residência em Saúde mental pela Universidade do Estado da Bahia (UNEB). Experiência em pediatria e nefrologia, com ênfase em unidade de terapia intensiva. Ela faz parte da equipe de redatores do MundoBoaForma.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário

5 comentários em “Hipotireoidismo – Causas, sintomas e tratamento”

  1. Bom dia, tenho tido sintomas de Hipotiroidismo , aumento peso, cansaço, unhas muito frageis, mau humor, depressão, o que posso tomar, uma vez que o meu medico de familia desvalorizou e como os nodulos nao atingem 1cm diz que nao é para me preocupar..

    Responder
  2. eu tenho muita coceira nos olhos e minha unha são frágil elas descamam e meus olhos incha e andem muito será que eu tenho hipotireoidismo?

    Responder