Balanopostite – O que é, causas, sintomas e como tratar

Especialista da área:
atualizado em 07/06/2021

A balanopostite afeta a região íntima do homem e pode trazer consequências para a vida sexual. Por isso, entenda o que é, as causas, os sintomas e como tratar essa inflamação.

  Continua Depois da Publicidade  

Essa inflamação afeta o órgão sexual masculino e geralmente é causada pela má higiene. Independentemente da causa, a balanopostite pode ser tratada. Veja então como identificar e começar o tratamento.

O que é

A balanopostite é uma inflamação que afeta o prepúcio e a glande (ou cabeça do pênis).

Homens que não fizeram cirurgia de circuncisão são os que podem ter balanopostite. A saber, o prepúcio é a pele que cobre a glande e que é removida nesse tipo de cirurgia.

Nesses casos em que o homem não tem mais o prepúcio, a inflamação afeta apenas a glande e é chamada de balanite.

Aliás, também é comum as pessoas confundirem a balanopostite com a fimose, mas tratam-se de coisas bem diferentes. A fimose é um problema que dificulta a retração do prepúcio.

Nesse caso, a cirurgia de remoção do prepúcio – feita ainda durante a infância – é a solução para evitar esse desconforto.

  Continua Depois da Publicidade  

Causas da balanopostite

Na maioria dos casos, a balanopostite é resultado de uma infecção causada pelo fungo Candida albicans, mas outras condições também podem causar a balanopostite, como por exemplo:

  • Infecções bacterianas, virais ou parasitárias;
  • Doença autoimune;
  • Alergia ao cloro da piscina ou ao látex do preservativo;
  • Má higienização;
  • Lesões;
  • Eczema;
  • Irritação local pelo uso de produtos na região íntima;
  • Uso de remédios que prejudicam o sistema imune.

Há também vários fatores de risco que aumentam o risco de um homem desenvolver balanopostite, como por exemplo:

  • Diabetes tipo 2;
  • Obesidade;
  • Baixa imunidade;
  • Uso de antibióticos de amplo espectro.

Além disso, manter hábitos inadequados de higiene aumenta o risco de infecção por conta do acúmulo de secreção no local – resultado de células mortas, sebo e microrganismos que não foram removidos durante a higiene íntima.

Sintomas

sintoma de balanopostite

A saber, alguns sintomas que ajudam a identificar a balanopostite incluem:

  • Desconforto para urinar;
  • Dor e inchaço;
  • Sensibilidade ou irritação local;
  • Dificuldade em expor a glande;
  • Pele seca;
  • Vermelhidão;
  • Coceira;
  • Desconforto durante relações sexuais;
  • Odor local;
  • Secreção ou ferida;
  • Lesões na pele;
  • Queimação.

Assim, ao notar vários desses sinais, é importante consultar um urologista. Esse é o médico que vai analisar a inflamação e pedir exames de sangue e de urina para entender a origem da balanopostite para poder iniciar o tratamento.

Às vezes, um dermatologista também pode ajudar na avaliação.

  Continua Depois da Publicidade  

Como tratar

O profissional da saúde vai determinar o tratamento mais adequado de acordo com o diagnóstico. Dependendo da causa da balanopostite, as opções de tratamento podem incluir:

  • Antifúngicos de uso tópico ou oral, como por exemplo o cetoconazol, o itraconazol e o clotrimazol;
  • Antibióticos como a clindamicina;
  • Cremes ou pomadas corticóides como a hidrocortisona.

Além disso, é fundamental manter o local limpo e seco. Mas evite usar sabonetes antissépticos ou produtos irritantes durante o tratamento.

Apesar de causar desconforto, a inflamação na glande é fácil de tratar e os sintomas melhoram muito rapidamente. Ainda assim, capriche nos cuidados durante o contato íntimo e com a higiene pessoal para evitar que o problema retorne.

Fontes e referências adicionais

Você já conhecia a balanopostite? Já foi diagnosticado com essa condição? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média 5,00)
Loading...
Equipe MundoBoaForma
Sobre Equipe MundoBoaForma

Quando o assunto é saúde, você tem que saber em quem confiar. Sua qualidade de vida e bem-estar devem ser uma prioridade para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada e altamente qualificada, composta por médicos, nutricionistas, educadores físicos. Nosso objetivo é garantir a qualidade do conteúdo que publicamos, que é também baseado nas mais confiáveis fontes de informação. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados à saúde, boa forma e qualidade de vida.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário