8 tipos de depilação – Vantagens e desvantagens

Especialista da área:
atualizado em 26/08/2021

Quem opta por remover os pelos do corpo pode contar com vários tipos de depilação. Cada tipo tem suas vantagens e desvantagens.

  Continua Depois da Publicidade  

As pessoas que têm a pele sensível geralmente têm mais dificuldade para escolher um método de depilação que seja eficaz e pouco agressivo com a pele.

Por isso, não é só o nível de dor e desconforto que deve ser avaliado, mas também é importante observar as características individuais da sua pele antes de fazer a sua escolha. Outros fatores a considerar são decidir entre uma depilação permanente como a depilação a laser ou uma depilação temporária com o uso de lâminas.

Então, veja quais são os tipos de depilação e confira os prós e contras de cada uma delas.

Tipos de depilação

Quando notamos um pelo surgindo na pele, na verdade ele já é muito mais do que a parte que nossos olhos enxergam. 

É por isso que os tipos de depilação que removem os pelos superficialmente não duram muito tempo, pois apenas parte do pelo é removida e a parte que sobra chega rapidamente à superfície da pele. 

Por outro lado, métodos que penetram a barreira mais profunda da pele tendem a resultar em uma depilação mais duradoura. 

  Continua Depois da Publicidade  

Também é importante lembrar que uma depilação duradoura pode ser mais dolorosa ou levar mais tempo do que uma depilação cujos resultados duram pouco. Por isso, confira as suas opções e faça a sua melhor escolha.

1. Cera quente ou fria

depilação com cera

A depilação com cera arranca os pelos pela raiz e pode ser feita de duas formas: usando cera quente ou cera fria. A depilação a quente é mais segura quando feita por um profissional em um salão de beleza ou clínica estética. Mas tomando todos os cuidados com a temperatura da cera, é possível realizar o procedimento em casa. 

Vantagens

A pele depilada com cera fica lisa por cerca de 4 semanas e essa é a principal vantagem do método. Por isso, muitas mulheres optam por esse tipo de depilação para a área do biquíni e do buço.

Desvantagens

A depilação com cera pode causar muita dor e é preciso deixar os pelos crescerem um pouco para que ela seja satisfatória. Além disso, se a técnica não for executada corretamente, podem sobrar pelos na pele ou ocorrer pequenas lesões. No caso da cera quente, há também o risco de queimaduras.

Por fim, se você estiver fazendo uso de cremes para tratamento de acne ou outros problemas de pele como o retinol ou a isotretinoína, não é recomendado fazer depilação com cera pois a pele pode estar muito sensível e sofrer uma lesão.

2. Depilação a laser

Na depilação a laser, um feixe de luz que emite calor é direcionado para a pele para destruir o bulbo capilar. Nesse método, é preciso se submeter a várias sessões com um profissional. Em média, são necessárias 8 sessões de depilação em cada área do corpo a ser depilada.

  Continua Depois da Publicidade  

Algumas sessões de manutenção podem ser necessárias de tempos em tempos para garantir que bulbos capilares que ainda não foram totalmente destruídos pelo laser ou que se regeneraram sejam eliminados.

O pelo grosso e escuro responde melhor ao tratamento, pois consegue absorver uma quantidade maior de energia. Nas peles claras, é possível utilizar uma energia maior, precisando em geral de um menor número de sessões, e com um risco menor de queimaduras que na pele escura. Entretanto, alguns tipos de laser são mais seguros para a pele negra.

A depilação a luz pulsada apresenta o mesmo mecanismo de ação, mas o comprimento de onda usado no feixe do dispositivo é diferente e um pouco mais suave.

Portanto, existem diversos tipos de laser para este propósito. O ideal é decidir com o dermatologista qual o mais indicado para o seu tipo de pelo e tom de pele.

Vantagens

A vantagem é que a depilação a laser tem um efeito de longa duração que pode perdurar por vários meses. Isso significa que ao fim do tratamento, os pelos praticamente não crescem mais porque o bulbo capilar foi destruído. Outra vantagem da depilação a laser é que, mesmo quando o pelo volta a crescer, ele retorna mais fino e mais claro.

Desvantagens

A depilação a laser precisa de várias sessões até que o resultado final seja alcançado. Além disso, a depilação a laser dói e não é indicada para qualquer tom de pele e o procedimento pode sair bem caro dependendo das áreas depiladas. O procedimento também pode causar vermelhidão, irritação e desconforto na pele.

  Continua Depois da Publicidade  

Também existe o risco de queimaduras. Por último, durante o tratamento não é recomendado se bronzear, o que requer um bom planejamento e muito cuidado com a pele. 

3. Depilação elétrica

depilador elétrico

O depilador elétrico é um aparelho que remove os pelos pela raiz e mantém os resultados por até 4 semanas. Existem diferentes modelos, mas geralmente ele é composto por pequenos discos ou pinças que arrancam os pelos pela raiz.

Vantagens

A principal vantagem é que o depilador elétrico dura muitos anos e funciona direto na tomada ou por meio de uma bateria recarregável que o torna portátil. Outro ponto favorável é o fato de muitos depiladores conterem acessórios que tornam a depilação menos dolorosa e mais confortável.

Desvantagens

As desvantagens são a dor e a irritação que podem surgir durante o uso do depilador. Além disso, algumas pessoas não se adaptam ao uso correto do aparelho, causando assim pelos encravados e uma depilação insatisfatória.

4. Linha

Esse é um método tradicional indiano em que a depilação é feita com linhas. A depilação com linha remove os pelos pela raiz, assim como a pinça, mas é preciso torcer as linhas em um padrão específico para conseguir remover todos os pelos indesejados.

Vantagens

A remoção do pelo através da raiz é uma boa vantagem, pois significa que a pele ficará lisa por mais tempo. 

Desvantagens

É preciso dedicar certo tempo para aprender a técnica ou então contratar um profissional para fazer o trabalho. Outro ponto importante é que a depilação com linha pode ser bastante dolorosa.

5. Pinça

mulher fazendo a sobrancelha

A pinça é ideal para remover pouca quantidade de pelos diretamente da raiz, como os pelos da sobrancelha, por exemplo. A eficácia depende das habilidades manuais de quem está removendo os pelos. Além disso, a duração da depilação varia de acordo com a velocidade com que o seu cabelo cresce. Em geral, os resultados podem durar de 2 a 8 semanas.

Vantagens

A vantagem é que você consegue arrancá-los pela raiz, o que torna o resultado mais duradouro. Além disso, essa é uma opção muito barata já que o único investimento que precisa ser feito é o de comprar uma pinça. 

Desvantagens

Dentre as desvantagens se destacam o risco de cicatrizes e pelos encravados, a dor que o processo causa e a demora em concluir a depilação, principalmente quando a área a ser depilada é muito grande.

6. Lâmina

O uso de lâminas é muito prático e rápido para o dia a dia. Aliás, esse método depilatório é muito usado por homens para se barbear e também por mulheres para depilar regiões como as axilas e as pernas.

Vantagens

As grandes vantagens do uso de lâminas é que elas são baratas, práticas e muito fáceis de usar. Além disso, você não precisa preparar a pele para usar a lâmina.

Desvantagens

Em contrapartida, há um risco alto de pelos encravados ou de foliculite e o resultado dura pouco tempo, já que em poucos dias o pêlo volta a aparecer. Depois da depilação com lâminas, a pele pode ficar irritada e ressecada.

7. Creme depilatório

depilação com creme depilatório

Este tipo de creme age enfraquecendo a queratina, o que deixa o fio fraco e permite a sua remoção com grande facilidade.

Existem versões para peles sensíveis, normais e secas. E também há cremes depilatórios específicos para o rosto, para o corpo e para a virilha.

Vantagens

A vantagem do creme depilatório é que o processo é totalmente indolor e não requer nenhum tipo de esforço. Além disso, o processo é bem rápido e dura no máximo 10 minutos.

Desvantagens

Existe o risco de reações alérgicas e queimaduras, principalmente quando o produto fica em contato com a pele por mais tempo do que o indicado pelo fabricante. Além disso, é um método de depilação relativamente caro.

8. Eletrólise

A eletrólise consiste na inserção de uma agulha minúscula diretamente nos folículos capilares que envia uma corrente elétrica que serve para destruí-los e desestimular o crescimento dos fios.

Assim como a depilação a laser, a eletrólise também é considerada uma solução permanente para remoção de pelos. Mas ainda assim é preciso comparecer a algumas sessões de acompanhamento para corrigir possíveis falhas.

Vantagens

A eletrólise pode ser feita em qualquer parte do corpo e por agir diretamente no folículo piloso, os resultados são muito bons e duradouros. 

Desvantagens

É preciso buscar um profissional capacitado para executar a técnica para que a pele não seja danificada. Além disso, o procedimento custa caro. Por fim, outra desvantagem é que pode ocorrer dor e vermelhidão na pele.

Considerações sobre a depilação

Por último, é importante lembrar que embora alguns métodos sejam “definitivos”, não há nenhum tratamento de remoção de pelos que seja 100% permanente. Mesmo que a depilação dure meses ou até anos, uma hora ou outra será preciso fazer sessões de manutenção para remover os pelos que sobraram.

Além disso, você pode conversar com um dermatologista para te indicar o tipo de depilação mais adequado para o seu tipo de pele. Assim, você pode ter uma pele lisinha sem prejudicar a sua saúde.

Fontes e referências adicionais

Qual método de depilação você prefere? Comente aqui!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Nenhum voto ainda)
Loading...
Alessandra Drummond
Sobre Dra. Alessandra Drummond

Dra. Alessandra Drummond é médica dermatologista, graduada em medicina na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), pós graduada em dermatologia no Instituto de Dermatologia Professor Rubem David Azulay. Felowship no Hospital Arcispedale Santa Maria Nueva, Reggio Emília, Itália. Tem diversas publicações em revistas científicas indexadas, participa constantemente de congressos e conferências nacionais e internacionais, na área da dermatologia clínica, cirúrgica e cosmiatria. Para mais informações, entre em contato com ela no seu site.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário