4 Causas de dor no pulso e como aliviar

Especialista da área:
atualizado em 30/06/2021

A dor no pulso pode ser resultado de uma lesão recente ou de um problema de longo prazo. Confira então as principais causas de dor no pulso e como aliviar.

  Continua Depois da Publicidade  

Na maioria dos casos, a dor no pulso é resultante de uma lesão por esforço repetitivo. Ou seja, o movimento repetitivo durante muito tempo pode causar inflamação, fadiga ou compressão dos nervos locais.

Às vezes, danos às articulações também podem causar dor no pulso – geralmente acompanhada de formigamento na mão.

Enfim, conheça a seguir as possíveis causas de dor no pulso e saiba o que fazer para melhorar. 

Causas de dor no pulso

pulso doendo por causa do computador

Muitos fatores podem influenciar a dor no pulso. Por isso, a causa nem sempre é facilmente diagnosticada.

Certamente, saber a causa da dor facilita muito o tratamento. Assim, veja as principais causas de dor no pulso.

1. Lesão no pulso

Sofrer uma fratura no pulso é a principal causa de dor no pulso. Assim, se você caiu recentemente sobre sua mão é possível que você tenha uma entorse, uma distensão ou até mesmo um osso quebrado.

  Continua Depois da Publicidade  

Aproveite e confira também quais são os primeiros socorros para uma fratura óssea.

Além de acidentes, uma lesão no pulso pode acontecer ao praticar algum esporte que envolve movimentos repetitivos – como o tênis, por exemplo.

Se você sofreu uma pancada e seu pulso começou a doer, não deixe de consultar um médico para investigar possíveis lesões.

2. Artrite

Uma inflamação nas articulações do pulso também pode causar dor. É o caso de doenças como a osteoartrite ou a artrite reumatóide.

A deterioração da cartilagem que protege as articulações e os ossos pode deixar as articulações expostas e sujeitas a inflamação – o que acaba causando dor, inchaço e rigidez articular.

3. Tendinite

A tendinite é uma inflamação nos tendões. Os tendões do pulso também podem sofrer inflamação e, com isso, surge a dor no pulso.

  Continua Depois da Publicidade  

Além da dor e da inflamação, a tendinite no pulso pode causar:

  • Dificuldade para segurar e soltar objetos;
  • Rigidez matinal;
  • Inchaço no pulso;
  • Pele quente;
  • Sensação de estalo ao movimentar o pulso.

4. Síndrome do túnel do carpo

Nessa síndrome, o nervo mediano que fica na região do pulso fica sujeito a uma pressão que causa muita dor.

Algumas pessoas com síndrome do túnel do carpo têm dificuldade em controlar os movimentos das mãos por causa da dor no pulso que é muito forte. Além disso, muitas vezes é preciso se submeter a cirurgias e fisioterapia para aliviar a pressão no nervo.

Sintomas adicionais podem incluir dormência e formigamento na palma da mão ou nos dedos.

Outras causas e fatores de risco

Há ainda outras causas de dor no pulso. Os cistos ganglionares, por exemplo, são cistos que podem surgir no pulso e causar dor.

Além disso, a doença Kienbock também causa dor no pulso – já que nesse caso ocorre um colapso progressivo de um dos pequenos ossos do pulso por causa da falta de sangue no local.

  Continua Depois da Publicidade  

Apesar de qualquer pessoa poder ter dor no pulso, os fatores que aumentam o risco de experimentar esse tipo de dor são:

  • Praticar atividades esportivas de impacto ou que usam muito a mão e o braço, como o boliche, o tênis e a ginástica;
  • Trabalhar em uma atividade que precise muito do movimento das mãos e dos pulsos – como por exemplo trabalhar como cabeleireira, artesã ou usar muito o teclado do computador;
  • Sofrer de doenças que aumentam o risco de síndrome do túnel do carpo, como é o caso da diabetes, obesidade, artrite e gota.

Como aliviar a dor no pulso

Depois de fazer exames para ajudar no diagnóstico, é possível começar um tratamento para a dor no pulso.

Se uma lesão for identificada, é provável que você precise usar talas ou protetores para imobilizar o local – favorecendo uma cicatrização mais rápida. Aliás, veja também quais são as melhores pomadas cicatrizantes.

Além disso, existem vários remédios que podem te ajudar a lidar com a dor, como por exemplo anti-inflamatórios e analgésicos. Em alguns casos, pode ser necessário aplicar uma injeção de corticoide para tratar a dor mais intensa.

A fisioterapia também deve fazer parte do tratamento de reabilitação do pulso. 

Em alguns casos, uma cirurgia pode ser necessária. Os exemplos incluem:

  • Cirurgia para reparar danos causados por fraturas ósseas;
  • Procedimento para aliviar a pressão no nervo em quem sofre de síndrome do túnel do carpo;
  • Cirurgia de reparo de tendões ou ligamentos que se romperam.

Além do tratamento medicamentoso, é possível aliviar a dor no pulso eventual com algumas medidas simples, como:

  1. Aplicando uma compressa fria ou gelo no local da dor;
  2. Interrompendo, ao menos temporariamente, atividades que causam dor;
  3. Alongando o pulso em pequenas pausas ao longo do dia;
  4. Descansando para que o seu corpo se recupere da inflamação.

Depois de consultar um médico, não se esqueça de praticar alongamentos e exercícios de fortalecimento para prevenir novas lesões no pulso.

Fontes e referências adicionais

Sentir dor no pulso te atrapalha no dia a dia? O que ajuda a aliviar a dor? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Nenhum voto ainda)
Loading...
João Hollanda
Sobre Dr. João Hollanda

Dr. João Hollanda é Médico Ortopedista - CRM-SP 113136. Formou-se pela Santa Casa de São Paulo, com especialização em cirurgia do joelho. É também médico da Seleção Brasileira de Futebol Feminino desde 2016 e médico voluntário do Grupo de Traumatologia do Esporte da Santa Casa de São Paulo desde 2010. Tem experiência de trabalho prévio com a Confederação Brasileira de Vela, Cisne Negro Companhia de Dança, Escola de Dança do Teatro Municipal de São Paulo, Equipe de Ginástica Artística de Guarulhos. Já trabalhou como Médico nos Jogos Panamericanos Rio 2007, e foi Médico do Time Brasil para os Jogos Olímpicos Rio 2016. Trabalhou junto a organização Médicos Sem Fronteiras no Afeganistão e no Haiti, e junto a organização Expedicionários da Saúde no Haiti. Dr. João Hollanda é uma referência profissional em sua área e autor de artigos científicos. Você pode entrar em contato com o Dr. João através de seu site.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário